Você sabe qual é a diferença do Dorper e do White Dorper?

Enquanto o Dorper é resultado do cruzamento do Dorset Horn com Persa de cabeça negra, o White Dorper tem em sua conformação, além das duas raças citadas, mais um tipo de cruzamento

A raça Dorper foi criada pelos colonizadores ingleses na África do Sul, em meados de 1940. Sobretudo, a partir da necessidade de se ter uma espécie de ovinos que fosse eficiente na produção de carne e, ao mesmo tempo, resistente a baixa oferta de alimentos e ao clima semidesértico da região.

Dessa forma, pesquisas apontaram, na época, que o cruzamento do Dorset Horn com Persa de cabeça negra resultaria nos animais rústicos tão almejados. Ou seja, animais capazes de suportar condições climáticas mais áridas e, em contrapartida, mantendo boa saúde e condição corporal ideal. 

Já no quesito aparência o Dorper é, sem dúvidas, de fácil reconhecimento. Já que possui uma cabeça preta e o corpo branco. Sem falar ainda no bom comprimento do corpo, que é coberto por um pelo curto. 

Entretanto, após novos cruzamentos com uma terceira raça, muito semelhante ao Blackhead Persian, chamada de Van Rooy, passaram a nascer animais totalmente brancos. E, apesar da aparência distinta, o animal ainda manteve as mesmas caractéritiscas comerciais do Dorper. Sendo assim, os brancos passaram a ser chamados de White Dorper. 

Mas além da diferença visual, ambas as raças se diferem também em outros pontos. Como, por exemplo, no comprimento do corpo. Afinal, o White Dorper é um pouco mais comprido e possui uma distribuição de gordura mais constante. Do outro lado, o Dorper apresenta um pequeno acúmulo na região da calda e no peito, herença de seus ancestrais.

Por fim, se tratando de fertilidade, precocidade, ganho de peso, adaptabilidade e velocidade de terminação de carcaça, não há distinção entre as duas raças. Ambas oferecem uma carne ovina de alta qualidade e de sabor inegualável.

Comentários

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
X